domingo, 18 de maio de 2014

Partilha

Google - sem informação de autoria


vi o que fez dos ponteiros
e da rosa entre seus dedos
quando ele disse
gosto de ser seu amor

você e essa noite despedaçada
você e essas mãos de Alice
pálidas, suaves, díspares

presa à partilha dos dias
separando pétalas de horas

pondo tudo em caixinhas




2 comentários:

  1. Apaixonado nesse teu canto, Dani.
    Li alguns, parecem uma única história, uma delícia.
    Merecem virar livro <3

    ResponderExcluir
  2. "separando pétalas de horas.."

    Para suturar o dulcífico, o sestroso canto anforal.

    ResponderExcluir